Sábado, 21 de Julho de 2007

Como dar a volta ao mundo em... quantos segundos?

Aposto que já ouviram falar do Blackle!
Isto daqui a pouco parece um avaliador de motores de busca... Mas o que eu gostava de realçar aqui é, o tipo de funcionalidades, ainda muito incipientes face ao "mano" Google, nem a capacidade que dizem ter para poupar energia (e, por arrasto, o planeta), mas a capacidade que uma mensagem destas tem para dar a volta ao mundo. O facto é que menos de 24 horas depois de receber a primeira mensagem sobre a existência e o fundamento do Blackle, já tinha recebido mais algumas mensagens sobre o mesmo assunto, e toda a gente com quem falei já o conhecia pelo menos por ter lido um e-mail.

Deve ter dado a volta ao mundo num abrir e fechar de olhos. Se alguém ainda tinha dúvidas acerca da capacidade da Internet para imitar o Super Homem (faster than a speeding bullet, etc, etc, etc...), acho que este caso chega para lhas tirar.
Isto também nos lembra que  nem tudo o que anda "por aí" é válido, ou sequer defensável. E sempre à velocidade de um clique.


Já que estamos em maré de preservação... ambiental (desta vez), porque não vai até ao site da Care2 e vê as opções para tornar o seu computador menos poluente?
publicado por Cristina Mouta às 22:34
link do post | comentar | favorito
|

. ver perfil

. seguir perfil

. 1 seguidor

.Maio 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.Arquivos

.Links

......algumas ideias


Amnesty
International

.Sic transit gloria mundi

Locations of visitors to this page

.tags

. ambiente(2)

. amizade(3)

. amor(2)

. aprendizagem(3)

. autor(2)

. banda desenhada(2)

. biblioteca pública(2)

. bibliotecas(3)

. carlos drummond de andrade(2)

. censura(2)

. cultura(6)

. direitos de autor(4)

. direitos humanos(4)

. fernando pessoa(3)

. incentivo à leitura(4)

. leitura(3)

. liberdade de expressão(3)

. natal(4)

. poesia(4)

. solidariedade(3)

. todas as tags

.subscrever feeds

RSSPosts

RSSComentários

RSSComentários do post